Realce: saiba mais sobre Gilberto Gil, suas fases e a moda

28 - 08 - 2012

mequetrefismos-gilberto-gil-moda-modices

Ele é canceriano, mas se passaria tranquilamente por um leonino com ascendente em aquário (Carla Lemos School of Astrology). Ele nasceu e foi criado na Bahia, mas a mistura do seu “tempero” também inclui a atitude paulistana, a bossa carioca e o swing de Londres. Estamos falando de Gilberto Passos Gil Moreira, que para os brasileiros é Gilberto Gil ou, simplesmente, Gil. Cantor, compositor, admnistrador de empresas como formação (!) e ícone de moda e estilo. Da Tropicália ao Software Free (sim, ele é um dos principais defensores da liberdade digital) cantar e encantar sempre foi o segredo do filho de dona Claudina, que desde cedo tinha duas certezas na vida: ser “musiqueiro” e pai de menino. Que tal se inspirar nos visuais de Gil?

Doces Bárbaros_ Época em que Gil tornou-se um dos “pais de batismo” da Tropicália. Modelagens amplas como de batas e kaftans com estampas em tamanho maxi tornam-se as estrelas da vez. Que tal cair de cabeça nos florais “GG” e no print de lenço?!

mequetrefismos-moda-gilberto-gil-novos-baianos-print-lenco-maxi-floral-kaftan-farm-modices

Vamos fugir?_ Fase de exílio para o nosso muso. Destino? Londres. Viver em uma cidade tão cosmopolita quanto a nossa “London, London” (<3 ! ) traz para o cantor referências de vários lugares do mundo que, assim como nas suas composições, contagiou seu visual. Traços do boho estão presentes na mistura de texturas, shapes confortáveis como as dos maxicardigans e uma forte pegada artesanal. Ah, é momento certo de apostar nas tão badaladas calças flare rendadas!

mequetrefismos-moda-gilberto-gil-exilio-londres-boho-flare-rendada-mix-texturas-cibele-modices

Quanto mais purpurina, melhor_ O nome já diz tudo! Aqui o espírito disco dos anos 70 toma conta dos looks e paetês, glitters e pedrarias invadem o centro da pista de dança. Acessórios imponentes e um toque artsy deixa tudo mais charmoso!

mequetrefismos-moda-gilberto-gil-purpurina-paete-disco-70s-triya-juliana-jabour-modices

Só quem sabe onde é Luanda, saberá lhe dar valor_ É o momento mais afro de Gil. O cantor evidencia o “black power” e estampas étnicas, animal prints, miçangas, além de uma cartela de cores intensa ganham lugar ao sol. Elementos da cultura africana como búzios e o marfim são bem-vindos aos acessórios.

mequetrefismos-moda-gilberto-gil-afro-luanda-black-power-animal-print-cores-modices

Toda menina baiana_ O toque brejeiro, o handmade e a brasilidade mostram-se firmes e fortes. Rendas e técnicas manuais como o tricô e o crochê viram verdadeiras  preciosidades, ganhando leituras mais urbanas e glam com toques esportivos, silheutas ladylike e o colorido do neon e do pastel. Quer fazer a cabeça? Turbante nelas!

mequetrefismos-moda-gilberto-gil-menina-baiana-rendas-tricot-ladylike-handmade-modices-1

 

{ Conteúdo produzido originalmente para o MODICES}