Negra arte: 5 mulheres artistas que você precisa conhecer

22 - 07 - 2015

MEQUETREFISMOS-ARTISTAS-NEGRAS-CRIOLA-INSPIRACAO

Sim, cada vez mais, nós, mulheres negras, estamos “derrubando forninhos” e conquistando os espaços que devemos e merecemos em todos os segmentos. Na arte, isso não é diferente. Fizemos uma seleção com alguns dos principais nomes que dão o que falar e que tanto nos inspiram. Vem com a gente!!

#ZELDA WYNN VALDES (Estilista):

mequetrefismos-artistas-negras-zelda

mequetrefismos-artistas-negras-zelda-1-fashion-broadway

Não tinha como não começar por ela. Zelda foi a primeira estilista afro-americana a ter sua própria marca “Chez Zelda”, na Broadway, e “derrubou” Nova Iorque. Além de ter sido presidente da Associação Nacional de Designers de Moda e Acessórios, composta somente por artistas negros, trabalhou como figurinista em uma companhia de dança, a Dance Theatre of Harlem, também na Big Apple. Moderna e criativa, Zelda vestiu queridinhos de Hollywood e desenvolveu o icônico figurino das coelhinhas da Playboy. Depois de anos sendo lembrada com orgulho, em 1994 com idade já avançada, Zelda deu a seguinte declaração para o New York Times: “Eu só tinha um talento dado por Deus para fazer as pessoas bonitas”. Valdes faleceu em setembro de 2001.

#ANGÉLICA DASS (Fotógrafa):

mequetrefismos-artistas-negras-angelica-dass

mequetrefismos-artistas-negras-angelica-dass-1

Fotógrafa brasileira radicada em Madrid, Dass conta com exposições solo e em coletivos ao redor do mundo. Angélica se diferencia por entender a fotografia como uma relação direta entre o fotógrafo e o fotografado, de maneira que ele tenha sua individualidade valorizada, sem deixar de lado a importância do grupo. Seu trabalho de destaque é o “Humanae”, que expressa muito bem sua característica, ao retratar em imagem a diversidade das pessoas a partir de suas diferentes tonalidades de sua pele, traduzida em cores de Pantone. Sem dúvidas, esse trabalho é o incrível retrato da sensibilidade envolvida no seu trabalho.

#CHIMAMANDA NGOZI ADICHIE (Escritora):

mequetrefismos-artistas-negras-chimamanda-ngozi

mequetrefismos-artistas-negras-chimamanda

Escritora e encantadora, a Chimamanda é nigeriana e tem sido reconhecida como uma importante jovem intelectual em seu país, atraindo os olhos do mundo para a literatura africana através de histórias que remetam a realidade do próprio continente. Ela coloca em questão que tudo que se sabe sobre a cultura africana em sua maioria é escrita por estrangeiros e isso precisa mudar. Como uma obras indispensáveis, Ngozi, feminista convicta, é um dos elementos principais do hit Flawless de Beyoncé, transmitindo a mensagem de que feminismo é acreditar na sociedade como um todo e direitos iguais entre os sexos. 

 

#LOIS MAILOU JONES (Pintora):

mequetrefismos-artistas-negras_lois mailou jones_the lovers_1950

mequetrefismos-artistas-negras-lois

Com uma estética vibrante e colorida, a pintora em tempos atuais representa muito bem o ” #mequetrefismos estilo de ser”. Isso porque a energia das cores escolhidas expressam um estilo muito particular, e acredito que a ajudam a superar as dificuldades do preconceito vividos ao longo de sua carreira. Nascida em 1905, pense que não foi fácil se impor, mas com seu talento nato e único, se consagrou. Nas técnicas de aquarela com pincel, óleo e colagem e acrílico sobre tela, Lois consegue uma mistura de cores muito vanguardistas para a sua época.

 

#CRIOLA (grafiteira)

mequetrefismos-artistas-negras-criola-nike

mequetrefismos-artistas-negra-criola-1

mequetrefismos-artistas-negra-criola

É impossível você não se conectar com o trabalho da grafiteira. A mineira Tainá Lima, aka Criola, que também é designer de moda e ex-modelo, expressa a partir da sua arte urbana uma verdadeira reflexão sobre a afirmação da identidade negra. Tudo uma leitura bastante feminina e cheia de atitude, que além das paredes do Rio, de São Paulo e de Minas, também conquistou a flagship store da Nike, localizada na terra da garoa.

Elas são só o início!